Sem Jesus o que somos?

Sem Jesus somos:

      1. Paralíticos;

  1. Cegos;
  2. Mudos.

1.1_ Paralíticos, porque andamos de qualquer maneira; colocamos os nossos pés em qualquer lugar, sem nos importar se por onde andamos estamos agradando ou não ao Senhor. Andamos sem rumo, porque tanto faz se estamos indo para direita ou para esquerda, ou seja; qualquer rumo que tomarmos a nossa vida será sempre da mesma maneira, sem graça, sem novidades, pois estaremos sempre andando em círculo e vivendo sempre as mesmas coisas.

Vamos ver lá no evangelho de Jesus Cristo, segundo Mateus.

Mateus 9:1-7

E, entrando no barco, passou para o outro lado, e chegou à sua cidade. E eis que lhe trouxeram um paralítico, deitado numa cama.
E Jesus, vendo a fé deles, disse ao paralítico: Filho, tem bom ânimo, perdoados te são os teus pecados.
E eis que alguns dos escribas diziam entre si: Ele blasfema.
Mas Jesus, conhecendo os seus pensamentos, disse: Por que pensais mal em vossos corações?
Pois, qual é mais fácil Dizer: Perdoados te são os teus pecados; ou dizer: Levanta-te e anda?
Ora, para que saibais que o Filho do homem tem na terra autoridade para perdoar pecados (disse então ao paralítico): Levanta-te, toma a tua cama, e vai para tua casa. E, levantando-se, foi para sua casa.

Então? Este homem, como de costume, todos os dias alguém o acompanhava e o deixava ali, para pedir esmolas; mas a partir daquele momento que Jesus se aproximou dele, ordenando que levantasse, pegasse sua cama e fosse para sua casa, com certeza este homem saiu saltando de alegria e sua vida, nunca mais foi a mesma.

1.2_ Somos cegos, porque sem Jesus, não conseguimos enxergar o que é certo ou errado, porque carregamos em nossos olhos um tampão que nos dá insegurança, em tudo que temos para realizar; vivemos das migalhas oferecidas por aqueles que dizem ter um bom coração, mas na verdade não passam de hipócritas que vivem procurando oportunidades para se mostrarem, como bem feitores.

Vamos conferir no evangelho de Jesus Cristo, segundo Lucas:

 

Lucas 18:35-43  

 

E aconteceu que chegando ele perto de Jericó, estava um cego assentado junto do caminho, mendigando.
E, ouvindo passar a multidão, perguntou que era aquilo.
E disseram-lhe que Jesus Nazareno passava.
Então clamou, dizendo: Jesus, Filho de Davi, tem misericórdia de mim.
E os que iam passando repreendiam-no para que se calasse; mas ele clamava ainda mais: Filho de Davi tem misericórdia de mim!
Então Jesus, parando, mandou que lho trouxessem; e, chegando ele, perguntou-lhe, Dizendo: Que queres que te faça? E ele disse: Senhor, que eu veja.
E Jesus lhe disse: Vê; a tua fé te salvou.
E logo viu, e seguia-o, glorificando a Deus. E todo o povo, vendo isto, dava louvores a Deus.

 

Da mesma forma, podemos imaginar como este homem se sentiu, quando alguém chegou até ele e lhe disse que Jesus o chamava: Com certeza, o seu coração saltou de alegria, pois pode ver a face de Jesus, e passar a segui-lo, juntamente com os demais seguidores e discípulos de Cristo. E sua vida nunca mais foi a mesma, a partir daquele momento.

 

1.3_ Somos mudos, porque sem Jesus, não sabemos controlar as nossas palavras, nem temos noção do quanto podemos prejudicar as pessoas com quem convivemos. Não temos controle de nós mesmos, no que se refere a medir as nossas atitudes quando nos deparamos com alguma situação em que precisamos resolver através de uma boa conversa, com nosso interlocutor; aí nos perdemos em meio ao nosso vocabulário, o que pode nos levar até a tomar medidas que pode nos prejudicar profundamente.

 

Vamos conferir no evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas:

 

Lucas11:14.


14 E estava ele expulsando um demônio, o qual era mudo. E aconteceu que, saindo o demônio, o mudo falou; e maravilhou-se a multidão.

 

O que podemos dizer de uma situação destas? Será que este homem permaneceu da mesma maneira que tinha vivido, até aquela data? De maneira nenhuma!

Com certeza aquele homem após ser curado, passou a viver de maneira totalmente diferente, mesmo porque, a partir daquele instante, ele passou a seguir Jesus, desfrutando da sua companhia e do seu grande amor.

 

Precisamos parar um pouco com as nossas atividades, e fazer uma análise em nossas atitudes:

 

  1. Onde temos colocado os nossos pés? Jesus aprova os caminhos por ande andamos?

 

  1. Em que direção temos lançado os nossos olhares? Será que temos agradado ao Senhor?

 

  1. De que maneira temos usado as nossas palavras? Jesus tem aprovado tudo que falamos?

 

 

Que possamos agradar a Deus com todas as nossas atitudes.

 

 

Deus nos abençoe!

Presbítero Aparecido Queiroz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *